fbpx

A Prefeitura de Guaratuba intensificará neste ano a segurança durante o Carnaval com aumento dos agentes e revistas com detector de metais nos acessos à Avenida 29 de Abril.

A festa na avenida contará com um forte esquema de policiamento, com efetivo de 130 policiais militares e mais 260 agentes de segurança por noite. Serão realizadas revistas com detector de metais nos acessos à Avenida 29 de Abril para coibir a entrada de arma branca e arma de fogo.

O Sistema de Inteligência da PM (o P2) e a Plataforma Operacional Elevada (caminhão POE) trabalharão integrados ao sistema de câmeras de monitoramento da Prefeitura, verificando e coibindo situações de tráfico de drogas, assédio e pedofilia.

Um trabalho intensivo de prevenção de acidentes será realizado com a proibição da circulação de garrafas de vidros e spray de espuma na Avenida 29 de Abril (Decreto 22613/2019). A proibição pretende diminuir os casos de pessoas socorridas no Pronto Atendimento atingidas pela espuma dos sprays ou por estilhaços e cacos de vidros. A venda de bebidas na avenida será realizada por ambulantes cadastrados pela Prefeitura.

Não é Não!

O Carnaval de 2019 será o primeiro com a vigência da Lei da Importunação Sexual (13.718/2018), em vigor desde setembro do ano passado, que tipificou o crime de assédio, estipulando pena de 1 a 5 anos de prisão para o agressor. A orientação é que a vítima comunique o fato imediatamente ao agente de segurança ou policial mais próximo, se não for possível, procure a Delegacia de Polícia da Operação Verão que está aberta 24 horas (ao lado da Câmara Municipal de Vereadores).  

A vítima e as pessoas que presenciarem qualquer ato de assédio devem tentar identificar o assediador, gravando suas características físicas e suas vestimentas, fotografar ou filmar o agressor desde que isso não coloque a vítima em risco. Reunir todas as informações possíveis e testemunhas colabora com a investigação da delegacia de polícia.