Postado 03/01/2017 por André Reu em Noticias
 
 

Porto contribui para crescimento econômico e social de Paranaguá



A atividade portuária tem um papel fundamental no crescimento econômico da cidade de Paranaguá. Nos últimos cinco anos, apenas a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) repassou aos cofres do município cerca de R$ 19 milhões em ISS (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) referentes aos serviços e atividades geradas pelo Porto.

“Se Paranaguá é uma das cidades mais importantes do estado, deve muito disso ao Porto e se o Porto de Paranaguá é um dos principais da América Latina, muito se deve à cidade e seu povo”, declarou o diretor-presidente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Luiz Henrique Dividino.

GERAÇÃO DE EMPREGOS – Além dos impostos e tributos, a atividade portuária é responsável pela geração de 44.257 empregos diretos trazendo desenvolvimento econômico para o município e renda para as famílias. A atividade portuária é também a maior fonte pagadora de Paranaguá, já que dos cerca de 1,6 bilhão injetados na economia da cidade em salários todos os anos, 1/4 é proveniente dos empregos ligados diretamente ao porto. A média salarial destes trabalhadores também é 23% superior à remuneração média dos demais trabalhadores de Paranaguá.

Dentre as empresas instaladas em Paranaguá, mais de 14% estão ligadas ao serviço portuário. Além disso, a atividade portuária emprega um em cada cinco dos trabalhadores da cidade, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho.

FAZENDO A SUA PARTE – Além da contribuição para o desenvolvimento econômico e a geração de emprego e renda, a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina está incentivando, prioritariamente, a compra e aquisição de serviços de micro e pequenas empresas locais.

A Appa, em parceria com o Sebrae e a Fomento Paraná, promoveu uma rodada de negócios com o objetivo de aproximar clientes e fornecedores que prestam serviços para empresas ligadas à área portuária.

Ao todo, dez empresas privadas preencheram um questionário enviado pela Appa e apontaram 432 itens ou demanda de serviços para aquisição. Em contrapartida, 50 micro e pequenos empresários de Paranaguá vieram apresentar seus produtos dentro da área de interesse das empresas.

Eventos de capacitação para qualificar as micro e pequenas empresas do Litoral foram promovidos para que as empresas possam atender os requisitos jurídicos e os padrões de qualidade exigidos pelas empresas portuárias, tanto públicas como privadas.

“A Appa licita anualmente R$ 300 milhões em compras, gerando um impacto muito positivo para a economia local. Para que se tenha uma ideia do volume que este valor representa, os sete municípios do Litoral licitam, juntos, R$ 150 milhões por ano”, diz o diretor-presidente Luiz Henrique Dividino.

A diretora jurídica Jacqueline Wendpap ressalta que comprar localmente torna os processos mais ágeis, possibilita a redução de custos e o fortalecimento do desenvolvimento da economia do Litoral.

LIMPEZA PÚBLICA – O cuidado com a limpeza da área portuária e a saúde dos trabalhadores e moradores do entorno é preocupação da Appa. Desde 2013, o porto conta com um Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

Ao todo, são investidos mais de R$ 1,7 milhão por ano em ações de coleta de lixo, distribuição de caçambas para a separação correta dos resíduos e a varrição diária das vias de acesso, ruas e avenidas, localizadas no entorno da área portuária, no cais do Porto e nos terminais portuários.

COMBATE À DENGUE – A Appa atua no combate à dengue na área portuária e, em 2015, repassou recursos para a prefeitura reforçar as ações de limpeza.

“Entregamos para a Prefeitura um novo caminhão coletor de lixo e repassamos R$ 4 milhões para intensificar as ações de limpeza na cidade”, lembrou Dividino.

Na área do porto as ações preveem ações de higiene e limpeza, pulverização em áreas portuárias com potencial de risco, educação ambiental com foco na saúde pública, divulgação com material informativo através de e-mails, site da Appa e redes sociais.

O Porto ampliou o trabalho de varrição de ruas e avenidas dentro da área do cais e do porto organizado. Poças de água estão sendo eliminadas por máquinas para eliminar possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti.

Todas as comunidades da baia de Paranaguá e Antonina estão recebendo informações sobre as formas de prevenção e diagnóstico e o tema dengue foi inserido no Projeto Porto Escola, voltado para as crianças da rede pública de ensino.

SÓCIO AMBIENTAL – O Porto de Paranaguá desenvolve projetos e ações visando convivência harmônica entre o Porto e a cidade.

Já foram feitas mais de 200 ações educativas, como palestras, mutirões de limpeza e oficinas, tanto em Paranaguá, como nas 11 comunidades existentes nas ilhas da baía de Paranaguá. A Appa também promove uma atividade mensal no Pátio triagem de Caminhões, voltada aos cerca de 2,5 mil caminhoneiros que passam pela cidade para descarregar no Porto. Na última edição do Porto em Ação, foram realizadas palestras de orientação e combate à exploração sexual.

Outra importante iniciativa do Porto, em parceria com a Prefeitura de Paranaguá, foi o lançamento do Programa Porto Escola, que aplica noções de sustentabilidade e segurança para os alunos do 5º ano da rede municipal de ensino. Ao todo, mais de cinco mil alunos já foram beneficiados pelo Programa



Comente

comentários