fbpx

Pessoas com deficiência ou com a mobilidade reduzida que forem ao Litoral do Paraná neste verão poderão aproveitar a temporada com mais segurança e tranquilidade. A partir desta quarta-feira (28), elas serão atendidas com ações do projeto Praia Acessível – Programa Amigo Paranaense, da Secretaria estadual da Família e Desenvolvimento Social (SEDS), em parceria com a Sanepar.

Além de participar de atividades de lazer e receber atendimento especializado das equipes do Verão Paraná 2016/2017, veranistas e moradores de Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná terão acesso a cadeiras anfíbias para empréstimo gratuito.

Trata-se de cadeiras de rodas equipadas com pneus especiais, mais largos e adaptados à areia. Por isso não afundam na água e as cadeiras são mais fáceis de manejar. Por serem mais altas, elas permitem que o usuário entre no mar em uma profundidade segura.

Segundo a secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, as ações têm o objetivo de promover a inclusão social das pessoas com deficiência nos espaços de lazer e garantir sua acessibilidade a esses locais.

“Aproveitar o verão, a praia e o banho de mar é direito de todos. Por isso o Governo do Paraná está oferecendo as condições necessárias para que as pessoas com deficiência possam desfrutar desses momentos de lazer e descontração com suas famílias, em condições de igualdade e com segurança”, afirma a secretária.

ATENDIMENTO – A Secretaria promoveu, na manhã desta sexta-feira (23), uma palestra para educadores socioambientais da Sanepar que atuarão no Verão Paraná. Cerca de 60 pessoas participaram da capacitação, que aconteceu na Associação dos Funcionários da Sanepar, em Matinhos.

Segundo a coordenadora da Política da Pessoa com Deficiência da Secretaria, Flavia Bandeira Cordeiro, o objetivo é esclarecer as equipes de trabalho em relação às limitações físicas e intelectuais de alguns veranistas e orientar sobre como agir no convívio e no atendimento. “Estamos sensibilizando os participantes sobre a importância de incluir e promover a participação dessas pessoas nas atividades de esporte e lazer que acontecem durante o verão”, explica Flavia.

Ao final da palestra, a equipe participou de um treinamento prático, ministrado por um representante da Secretaria de Estado da Saúde. O fisioterapeuta Eliel Alves de Toledo, do Hospital Regional de Paranaguá, demonstrou como colocar e retirar, em segurança, as pessoas com deficiência das cadeiras anfíbias.