0
Postado 04/02/2017 por André Reu em Noticias
 
 

Fiscalização apreende nove barcos e tira 12 de circulação no Litoral do PR


A Operação Verão da Capitania dos Portos do Paraná (CPPR) completou um mês de atividades e registrou 1.888 inspeções realizadas.As abordagens incluem embarcações de esporte e recreio, de transporte de passageiros, condutores de motoaquáticas, entre outros. As ações acontecem nas baías de Paranaguá, Antonina e Guaratuba, ilhas e demais acessos marítimos do Litoral do Estado.
Para ampliar a abrangência das inspeções navais, a CPPR utiliza viaturas, lanchas e motoaquáticas. “Além disso, equipes permanecem destacadas na Baía de Guaratuba – onde também há um elevado número de embarcações –, o que garante maior eficácia à operação”, declarou o capitão dos Portos do Paraná, capitão de Mar e Guerra Germano Teixeira da Silva.
Apreensões
Entre 22 de dezembro de 2016 e 31 de janeiro deste ano, foram emitidas 144 notificações. Número menor que o registrado na Operação Verão anterior, quado 152 notificações foram emitidas. Não possuir ou não portar documentos da embarcação ou do condutor estão entre as principais causas das notificações.
Na Operação Verão deste ano, 9 embarcações foram apreendidas, contra 12 no ano anterior. Entre os motivos das apreensões, estão: embarcações conduzidas por menores de idade e pessoas não habilitadas.
No total, até o momento, 12 embarcações utilizadas no transporte de passageiros foram retiradas de tráfego. Na edição anterior da Operação Verão, foram 16. Algumas não possuíam coletes salva-vidas em número suficiente e, em outros casos, os condutores não eram habilitados.
Fiscalização
Durante a Operação, os militares fiscalizam, por exemplo, documentos dos condutores e dos barcos. Também são verificadas a lotação, a disponibilidade de coletes salva-vidas e as condições materiais das embarcações. Outra preocupação é o consumo de bebidas alcoólicas pelos condutores e o respeito às áreas destinadas aos banhistas e àquelas de uso exclusivo para navegação.
O cidadão que identificar ou tomar conhecimento de qualquer tipo de irregularidade ou infração à segurança do tráfego aquaviário deve comunicar o fato à CPPR, que averiguará e adotará as medidas cabíveis. Denúncias podem ser feitas pelos telefones: (41) 3721 1500 ou (41) 3721 1542.



Comente

comentários