Postado 24/11/2015 por André Reu em Noticias
 
 

Dengue faz prefeito de Paranaguá decretar estado de emergência


O prefeito Edison Kersten decretou, na tarde de ontem (23), Estado Excepcional de Emergência na saúde pública de Paranaguá com o objetivo de intensificar as ações de combate à Dengue. O decreto de número 3.291 está disponível no Diário Oficial Eletrônico do município. A medida é necessária para agilizar a contratação de pessoal e serviços emergenciais no combate à doença.

O município passou o número de 130 casos autóctones (contraídos na cidade) confirmados. Quando se passa de 300 casos, é considerada situação epidêmica. Paranaguá se mobiliza para que a situação não chegue a este ponto.

Atualmente, segundo o decreto assinado ontem, Paranaguá é considerada cidade de “Médio Risco” pela Secretaria de Estado da Saúde. A proximidade com o Verão, que traz o período de muito calor e chuvas esporádicas, juntamente com o grande fluxo de turistas, estimados em mais de dois milhões de pessoas na região do Litoral, levaram o município a se preparar para uma verdadeira guerra contra o mosquito.

O decreto cria o Programa Municipal de Combate e Prevenção à Dengue, com duração de 90 dias, prorrogável por igual período. Para fiscalizar e zelar pela aplicação das medidas, o decreto estabelece uma comissão especial para acompanhar o programa, formada pelos secretários municipais de Saúde, Sandra Machado e de Segurança, Cícero Alves Fernandes, além da superintendente de vigilância em saúde Tayana Missau Galvão.

Um dos destaques do decreto é o artigo 2º, que autoriza os agentes de saúde e servidores municipais participantes das ações de fiscalização a entrar em casas fechadas ou abandonadas, mediante apoio da Guarda Civil Municipal. Para respaldar juridicamente a ação do fiscalizador, será feito um auto de infração e ingresso forçado, assinado pelo agente e pela autoridade policial com jurisdição sobre a área.

Também fica autorizada a contratação temporária de pessoal, pelo prazo de 90 dias prorrogáveis por igual período com a finalidade de atender às atividades do Programa de Combate à Dengue.

O prefeito Edison Kersten convoca os parnanguaras a aturem na guerra contra o mosquito Aedes Aegypti. “Estamos tomando medidas enérgicas e inadiáveis. Nossa população precisa estar vigilante contra o mosquito. Empresas e proprietários de residências precisam se conscientizar de que a batalha só será vencida se houver envolvimento de todos. Autorizamos medidas excepcionais para que os agentes possam entrar em casas e empresas abandonadas ou onde o proprietário não se encontra. Temos que combater de modo constante e efetivo esse mosquito”, salientou.

“Ressalto, ainda, que estamos nos preparando para o grande mutirão de limpeza da cidade, com foco na remoção de entulhos, lixos e demais objetos que possam acumular água. Neste dia, precisaremos do empenho maciço da nossa comunidade”, concluiu.

SEJA VOLUNTÁRIO
A Prefeitura está preparando um banco de voluntários. A intenção é ter o cadastro dos interessados e acioná-los antes das ações de combate à doença. Serão disponibilizados os materiais para realizar o trabalho como sacos de lixo e sacolas. Os voluntários podem se inscrever no site da Prefeitura de Paranaguá (www.paranaguá.pr.gov.br) e fornecendo seus dados pessoais e endereço.

O município entrará em contato com o voluntário alguns dias antes das ações para verificar a disponibilidade para participar.



Comente

comentários