fbpx

Um grupo de 23 alunos do Senai Paranaguá vai começar 2019 com esperanças redobradas na conquista de um novo emprego. Eles terminaram neste mês o curso de Assistente Administrativo, ofertado em pareceria com a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) e Prefeitura de Paranaguá.

Foram 160 horas-aula de conteúdo voltado para o mercado de trabalho, com foco na atividade portuária e nos serviços ligados, direta ou indiretamente, ao transporte de cargas. O projeto destinou 30% das vagas para moradores de comunidades próximas ao Pátio de Triagem de Caminhões da Appa.

“A intenção é aproximar o porto dos cidadãos e contribuir no processo de qualificação destes jovens e adultos. É um curso rápido, mas que traz a possibilidade de inserir estas pessoas no mercado de trabalho e dar um novo panorama para o futuro de cada uma”, destaca o diretor-presidente da Appa, Lourenço Fregonese.

Para Jhonatan Luiz dos Santos, professor e coordenador dos cursos de aprendizagem do Senai, a parceria com a Appa mostra que existem boas oportunidades no setor. “A atividade portuária é a maior geradora de empregos na cidade e, com qualificação, estes alunos podem conquistar melhores oportunidades”, disse.

Além dos conteúdos específicos para a função, como práticas administrativas e informática, as aulas também abordaram ética e cidadania, uso da linguagem, textos técnicos, saúde e segurança no trabalho.

“O curso trouxe todo o conhecimento básico para o futuro auxiliar administrativo, além de alguns conhecimentos mais avançados e práticos sobre a rotina e expediente. O aluno sai preparado para disputar as vagas disponíveis”, explica o professor Heleundir Gonçalves.

A aluna Glauciele Cordeiro nunca trabalhou na função e está animada para o futuro. “É um desafio. Eu fiz o curso para ampliar meus conhecimentos. As funções em que eu já atuei são completamente diferentes, então eu posso ter mais opções”, revela.

Vilson Vilmar Dias Neto, que também fez o curso, já está trabalhando e vai aplicar as novas habilidades no dia a dia. “É uma base de aprendizagem muito boa. Eu aprendi muitas coisas que são vitais para toda empresa. Saio com a expectativa de me especializar e conhecer ainda mais”, disse.

EMPREGOS – A atividade portuária é a maior fonte pagadora de Paranaguá. Cerca de um quarto do valor total injetado na economia da cidade em salários é proveniente dos empregos ligados diretamente ao porto. Além disso, a atividade emprega um em cada cinco trabalhadores da cidade, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho.

Entre as empresas instaladas em Paranaguá, mais de 14% estão ligadas ao serviço portuário e a média salarial destes trabalhadores é 23% superior à remuneração média dos demais empregados.