fbpx

A Prefeitura Municipal de Paranaguá, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, firmou convênio com o Instituto Federal do Paraná com o objetivo de ofertar cursos técnicos na modalidade a distância. 

Foram abertas 150 vagas em cinco cursos técnicos que são Técnico em Administração; Técnico em Agente Comunitário de Saúde; Técnico em Meio Ambiente; Técnico em Segurança do Trabalho e Técnico em Serviços Públicos. Além da aula inaugural, o evento oficializou a criação do Polo Paranaguá EAD de Cursos Técnicos.

O resultado da homologação das inscrições foi publicado no dia 05 de dezembro de 2018 e o município de Paranaguá foi destaque no número de inscrições, sendo o Polo com maior número de candidatos inscritos em todo Paraná, com 429 candidatos inscritos no total. A seleção dos candidatos foi realizada, em uma única etapa, mediante processo seletivo, através de prova com 40 questões. Os candidatos classificados realizaram suas matrículas em janeiro.

No período de 18 ao dia 22 de fevereiro foi realizada a semana de integração e socialização. 

A aula inaugural aconteceu no último dia 27 no Teatro Rachel Costa e contou com a presença de diversas autoridades. A programação iniciou com as orientações do coordenador do Polo Paranaguá, Welington Frandji, que explicou detalhes sobre o funcionamento de cada curso e apresentou a equipe que atuará durante o ano letivo. 

Na sequência foi desenvolvido um workshop sobre temas relacionados aos cursos ofertados, que contou com a participação dos profissionais da Secretaria de Assistência Social como o administrador Peterson Styve Falanga, a administradora Leticia Cecy Correia Generoso e a assistente social Jucelma de Lima Silva.

Além da oferta de cursos técnicos, a parceria entre Prefeitura de Paranaguá e o Instituto Federal do Paraná contemplará ainda outros benefícios significativos para Paranaguá como ações de pesquisas e diagnósticos situacionais em regiões com indicadores elevados de vulnerabilidade social e ainda a oferta de 50 vagas em curso de pós-graduação, lato sensu, Especialização em Práticas de Transformações Socioeducacionais, na modalidade a distância. 

“Dentre todos os direitos humanos a educação profissional está assim convocada a contribuir na universalização talvez do mais importante: aquele cujo exercício permite às pessoas ganharem sua própria subsistência e com isso alcançarem dignidade, auto-respeito e reconhecimento social como seres produtivo”, destacou o professor Odacir Zanatta, Reitor do Instituto Federal do Paraná.

O secretário de Assistência Social, Darci Borba, participou da solenidade que ocorreu com a presença de muitos dos inscritos nos cursos. 
Entre as autoridades presentes ainda estiveram presentes o professor Marcos Antonio Barbosa, Diretor Geral de Ensino a Distância do Instituto Federal do Paraná; Gisele Cristina da Silva, Superintendente de Desenvolvimento Comunitário; Welington dos Santos Frandji, Coordenador do Polo EAD Paranaguá; José Marcelo Coelho, secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos; Vandecy Silva Dutra, secretária Municipal de Educação e Ensino Integral e Lígia de Campos Cordeiro, secretária Municipal de Saúde.