Postado 20/01/2017 por André Reu em Noticias
 
 

Cadeiras anfíbias garantem banho de mar para pessoas com deficiência ou baixa mobilidade



Neste verão, pessoas com deficiência ou dificuldades de locomoção podem utilizar cadeiras específicas para o banho de mar. Uma das usuárias das cadeiras anfíbias é Odila Rech Nasario que, aos 85 anos, está reencontrando o prazer de entrar no mar, depois de um jejum de quatro anos. “Minha mãe tem artrose e já não podia mais tomar banho de mar. Com o andador, quase não conseguia nem chegar à areia. Demorávamos 40 minutos no sol até chegar ao guarda-sol. Era difícil demais. Agora, vai todos os dias à praia. Devolveram uma alegria para ela”, diz a veranista Rosângela Maria Nasario. Para dona Odila, os socioeducadores, que auxiliam no uso da cadeira, são “anjos”.

A ação faz parte do Projeto Praia Acessível, coordenado pela Secretaria Estadual da Família e Desenvolvimento Social (SEDS), em parceria com a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). “As cadeiras de rodas anfíbias possibilitam que pessoas com deficiência e mobilidade reduzida possam ter seu banho de mar com segurança e dignidade. Estas pessoas são assistidas por profissionais capacitados durante toda atividade”, explica a coordenadora da Política da Pessoa com Deficiência do Paraná, Flavia Bandeira Cordeiro.

As cadeiras anfíbias têm rodas especiais que permitem o deslocamento na areia e no mar. Elas possuem cinto de segurança regulável, encosto, assento, apoio cervical para a cabeça e apoio para os pés em tecido emborrachado, removível e lavável. Com capacidade para suportar até 120 kg, elas são flutuantes e confeccionadas em material leve, resistente e inoxidável. Por serem mais altas, permitem que o usuário entre no mar em uma profundidade segura.

MONITORES – Nas praias, socioeducadores explicam a forma correta para condução das pessoas com deficiência até a cadeira e as auxiliam em seu uso. As equipes de atendimento receberam treinamento especializado da SEDS, com o fisioterapeuta Eliel Toledo, do Hospital Regional do Litoral, com a participação de empregados da Sanepar que estão atuando na Operação Verão Paraná.

“Treinamos todos os 45 socioeducadores sobre o uso e sobre como prestar toda assistência a quem utilizar as cadeiras. A Sanepar também faz ações voltadas ao atendimento da população e por isso este trabalho está sendo feito em conjunto com a SEDS”, explica o diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Sanepar, Glauco Requião.

As unidades estão disponíveis em Guaratuba (em frente à Associação dos Magistrados), Matinhos (em Caiobá, na Praia Mansa) e Pontal do Paraná (em frente à Universidade Federal do Paraná). O uso das cadeiras é gratuito e pode ser feito todos os dias da semana, das 9h às 19h, com intervalo entre meio-dia e 13h30. A Prefeitura de Guaratuba também está disponibilizando uma cadeira anfíbia naquela cidade, e o Rotary Club, nos fins de semana, colabora com outras cadeiras e voluntários em Matinhos.



Comente

comentários