fbpx

Os vereadores eleitos para a legislatura de 2017 a 2020, em Paranaguá, foram recebidos, nesta sexta-feira (27), na sede da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa). O encontro serviu para apresentar aos integrantes da Câmara Municipal os investimentos realizados nos últimos anos nos portos paranaenses e os previstos para o futuro, além de estreitar a relação do porto com a comunidade, representada pelos vereadores.

De 2011 até agora, o Governo do Estado e a Appa já investiram R$ 624 milhões na infraestrutura portuária, atraindo aportes de R$ 1,29 bilhão da iniciativa privada do setor em Paranaguá. Já entre os investimentos previstos até 2020, estão R$ 606 milhões por parte do estado e mais R$ 3,09 bilhões programados pelas empresas.

Também foram apresentados, de forma detalhada, todos os projetos para melhoria da relação entre porto e cidade, os avanços operacionais e as fragilidades da logística local.

TRANSPARÊNCIA – “Abrimos este canal de comunicação com os representantes do povo. Nossa gestão é pautada pela transparência. Queremos apresentar o que estamos fazendo e esclarecer aquilo que é da nossa alçada fazer”, afirma o diretor-presidente da Appa, Luiz Henrique Dividino. Todos os 19 vereadores do município foram convidados e 14 estiveram presentes no encontro. Os demais justificaram a ausência por motivo de viagem.

Dividino também apresentou os números da contribuição econômica e fiscal da atividade portuária para a cidade de Paranaguá. Além do setor portuário empregar a significativa quantia de um em cada cinco trabalhadores do município, também é responsável por 25% dos salários pagos na cidade.

A regularidade destes empregos também garante que Paranaguá receba R$ 50 milhões anuais do Fundo de Participação dos Município (FPM), fazendo com que a cidade tenha a maior média de repasse per capita do estado do Paraná.

Nos últimos cinco anos, a Appa repassou diretamente cerca de R$ 19 milhões aos cofres municipais, frutos do Imposto Sobre Serviços (ISS).

INVESTIMENTOS – Todo o portfólio de investimentos realizados desde 2011 e os previstos até 2020 foram esclarecidos para os vereadores da cidade. “Estas instalações vão gerar emprego e renda para a cidade, de forma que Paranaguá terá a oportunidade de passar ao largo da crise, não só mantendo o trabalho de quem já está no mercado, bem como absorvendo outros trabalhadores”, explica Dividino.

ESFORÇOS – Segundo o vereador Nilo Ribeiro Monteiro, os empreendimentos apresentados pela Appa são fundamentais para a economia local. “Estes investimentos são muito importantes para todos, gerando renda para os cidadãos e até servindo como oportunidade de negócio para os empresários. No geral, este encontro foi muito importante porque inicia-se uma parceria transparente entre o porto e a cidade”, afirma.

A vereadora Sandra do Dorinho comemorou o encontro. “O caminho que queremos é este mesmo, de integração do porto com a cidade. Em gestões passadas não existia esta integração”, disse.

“Existia um afastamento do porto com a cidade, mas agora é importante este esforço para que exista uma reaproximação para que possamos trabalhar juntos em prol da cidade”, afirmou o vereador Fábio Santos.

SINTONIA – Segundo o vereador Professor Alberto Fangueiro, a reunião foi fundamental para que os trabalhos pela cidade sejam feitos em sintonia. “A abertura da integração entre o porto e o poder legislativo é a oportunidade que a gente tem de alavancar as necessidades que a cidade têm e formalizar um projeto conjunto, cobrando das demais autoridades que todos estes projetos se concretizem”, comemorou.

“Estamos no início do mandato desta nova legislatura e há muito por acontecer nos próximos anos. Esperamos que seja só o começo de uma parceria duradoura”, completou o vereador Adilson Soares Zela, conhecido como Tucano.

Estiveram presentes os vereadores Adriano Ramos, Alex Alves, Nagel, Professor Alberto Fangueiro, Ratinho, Fabio Santos, Nóbrega, Gilson Marcondes, Jaime da Saúde, Nilo Ribeiro Monteiro, Sargento Orlei, Sandra do Dorinho, Thiago Kutz e Tucano. Os vereadores Edu, Jozias de Negui, Luizinho Maranhão, Marquinhos Roque e Waldir Leite não compareceram.